AguadeCOCO

Quarto dia de desfiles da SPFW41

domingo, maio 01, 2016

Ei gente, quarto dia de desfiles e já vou avisando que os looks que eu escolhi estão muito lindos, principalmente os das minhas marcas favoritas do dia que são: Patrícia Vieira, Água de Coco e Salinas. Confere comigo minhas escolhas:

Gloria Coelho- 
Inspiração: O Jardim no Mar Assimétrico.

Com looks totalmente usáveis para nosso dia, Gloria me surpreendeu com as cores. O que dizer desse primeiro look? Magnífico!!


  

Gloria apresentou seu desfile em um auditório da faculdade Belas Artes. As modelos subiam ao palco, uma por uma, viravam vagarosamento de forma que podíamos ver as roupas sob todos os ângulos. Há uma nova praticidade nas roupas. Maiôs ou biquinis que podem ser usados sozinhos ou por baixo de lindos vestidos arquitetônicos, que por sua vez, podem ser usados de dia ou à noite. A assimetria é o ponto alto da coleção e resulta em construções muito bem pensadas, bonitas e contemporâneas. “Gosto de fazer desfile porque posso ser rebelde. Mas dessa vez tive uma preocupação de fazer rebelde com comercial”, ela disse pouco antes da apresentação. ( FONTE: SPFW41)
Patricia Vieira -
  

Uma das minhas estilistas favoritas e sem dúvidas eu amei as criações. Além de trazer uma diversidade de estampas para o verão, as peças confortáveis trazem tudo o que um bom look precisa, beleza, elegância e usabilidade. Amei!!

Amir Slama -
INSPIRAÇÃO : Feminino: Carnaval de rua dos anos 40 e 50, Brigitte Bardot nos anos 60, Carmem Miranda. Masculino: geração fitness.

  

Amir ficou conhecido quando tinha a Rosa Chá e, com ela, o SPFW teve alguns momentos inesquecíveis de quebras de padrão no beachwear. “Os tempos são outros agora”, ele diz no backstage pouco antes do desfile começar. “Eu mudei e o mercado mudou”. ( Fonte: SPFW41)

Gente, eu jamais permitiria que meu namorado usasse uma sunga super cavada assim kkk, dá uma impressão de que ele pegou uma de minhas calcinhas e está usando. Não Amir, não colou rs. Mas quanto aos biquínis femininos, eu adorei os tons e os recortes. Muito lindos.

Murilo Lomas -

INSPIRAÇÃO: Arquitetura, "imagens masculinas que acumulou em viagens ao redor do mundo", streetwear exportivo, casual e social.

  

O ponto alto do desfile são os looks que misturam alfaiataria com um toque de sportswear monocromático e cool, como os três looks seguintes à entrada de Marlon Teixeira, dos modelos negros, e o look inteiro azul royal, com blusa de manga longa fininha com capuz. (CAROLINA VASONE)

Salinas -
om coleção inspirada em Miami, a Salinas fez um desfile vibrante, jovem e com uma pegada esportiva que rendeu ótimos looks, desfilados com trilha pop e pulsante de Max Blum.
  
Há uma ampla gama de estampas, como flamingos, fachadas decô, coqueiros e muitas listras em tons que vão do pastel ao neon.
Em ano de Olimpíadas, os modelos são inspirados no esporte, como nos maiôs que se assemelham aos de natação ou os em estilo short-john do surfwear.
Vale destacar os acessórios super em alta, coloridos e super a cara do verão.

João Pimenta - 
INSPIRAÇÃO: Uniformes, momento de crise como oportunidade de reforçar a criatividade.
  

A participação de quatro paraatletas medalhistas de ouro em campeonatos mundiais e panamericanos na abertura do desfile. Emocionante a entrada de todos, vestindo belamente os looks da coleção e desfilando com suas medalhas como acessórios completando o look.
Novamente a moda sem gênero aparece na passarela. João Pimenta marcou sua passagem na SPFW41 com o que há de mais novo e moderno que são os tecidos mais comuns, sem muito requinte. Em sua criação , João usou materiais produzidos por pessoas da Paraíba e que também são usados em redes de balançar. Alta moda com custo baixo.
Água de Coco:
INSPIRAÇÃO:
A fauna, flora e cultura da floresta amazônica no Brasil, Peru e Colômbia.

  

  
A marca foi buscar na riqueza natural e cultural da floresta amazônica tanto na área que abrange o Brasil, como a do Peru e Colômbia a referência para a coleção, que além de estampas de folhagem, vitórias régias, casas coloniais colombianas, frutas e sementes da região e até um print fotográfico de onça pintada (em p&b), apostou em bordados e recursos artesanais para criar brilhos e texturas nos maiôs, biquínis e roupas. ( FONTE: SPFW41)

A Água de Coco é aquela marca que você se identifica e quer levar tudo pra casa. A mistura de texturas, animal print, recortes e babados, tudo isso cria uma identidade e uma sintonia entre o comprador e a marca. Amei amei e amei.

Helo Rocha -
INSPIRAÇÃO: A cultura do cangaço

  

Helo Rocha trocou o misticismo religioso e esotérico pela mística que envolve o folclore do cangaço nordestino. Na segunda coleção da marca que agora leva seu nome (ex-Têca), a estilista também entrou no mood mais romântico delicado do que sensual exótico de suas duas últimas coleções, ambas muito bem-sucedidas, com vestidos disputados e usados em grandes festas tipo amfAR. Se deu bem novamente, com um romantismo decorativista intelectual (em alta desde que Alessandro Michele entrou na Gucci) mantendo seu DNA de estilo.  (Fonte: SPFW41)
E está acabando a nossa saga SPFW41, amanhã o último resumo sobre o que mais gostei no desfile do dia. Não deixa de passar por aqui denovo viu. Te espero para encerrarmos com chave de ouro. Curta, compartilhe e comente. Beijão

You Might Also Like

0 comentários